Discos Escondidos #084: Tetê Espíndola – Piraretã (1980)

Discos Escondidos #084: Tetê Espíndola - Piraretã (1980)

Terezinha Maria Miranda Espíndola é uma cantora e compositora brasileira nascida em 11 de março de 1954 em Campo Grande, Mato Grosso do Sul.

Crescendo com sete irmãos em uma família de artistas, já na infância Tetê Espíndola passou a se interessar por música e em 1968, junto dos irmãos Celito, Geraldo Sérgio e Alzira, Tetê formou o grupo LuzAzul.

Foi aos 14 anos que Tetê Espíndola venceu um festival em Campo Grande com a música “Sorriso”. Anos depois, em 1977, partiu para São Paulo e no ano seguinte o grupo LuzAzul consegue um contrato com a gravadora Polygram/Philips que muda o nome do conjunto para Tetê & o Lírio Selvagem. O grupo lança um aclamado álbum em 1978, mas logo se desfaz.

100 Discos & 100 Cervejas: Tetê & O Lírio Selvagem – Tetê & O Lírio Selvagem (1979)

Em seguida, no ano de 1980, a cantora lança seu primeiro álbum solo pela mesma gravadora, chamado Piraretã, álbum que trazemos nessa edição do Discos Escondidos e que definitivamente está entre os grandes álbuns de sua carreira.

A temática da natureza está presente nas letras, no instrumental e nos inconfundíveis vocais de Tetê Espíndola. Instrumentos como a craviola, a viola caipira, o charango, a marimba, a harpa paraguaia e a rabeca são alguns dos elementos que constroem a atmosfera sui generis desse álbum que tem participações de músicos como Almir Sater e Arrigo Barnabé.

Discos Escondidos #036: Almir Sater – Instrumental (1985)

Recheado de fantásticas canções, Piraretã é um disco imperdível da música oitentista e um dos destaques da discografia de uma das mais icônicas cantoras brasileiras. Do álbum, destaco as faixas: Piraretã, Cunhataiporã, RefazendaTamarana, O Cio da TerraVida CiganaBeija-flor e Matogrossense.

Sem mais delongas, Tetê Espíndola e seu Piraretã:

Share Button

Cineasta, escritor e compositor, vive procurando novos discos pra ouvir e é fanático pela música dos anos 60 e 70. Escreve sobre Discos Escondidos nem tão escondidos assim e seu EP "4 Baladas Vermelhas" foi lançado em Dezembro de 2014 aqui no Jardim Elétrico.