Discos Escondidos #086: Hanoi-Hanoi – Hanoi-Hanoi (1986)

Discos Escondidos #086: Hanoi-Hanoi - Hanoi-Hanoi (1986)

Hanoi-Hanoi foi uma banda de rock brasileira surgida no ano de 1985.

Formada pelo baixista/vocalista Arnaldo Brandão – que já havia feito parte de bandas como A Bolha, Brylho e A Outra Banda da Terra, conjunto que acompanhava Caetano Veloso – e por Afonso (guitarra), Pena (bateria) e Cássio (percussão), a banda Hanoi-Hanoi é um grande nome do rock nacional que está longe de receber o reconhecimento merecido e que, comumente, acaba sendo lembrada apenas pela faixa Totalmente Demais, gravada por Caetano Veloso em seu álbum ao vivo de 1986 que leva o nome da faixa.

Fellini – O Adeus de Fellini (1985) | Discos Escondidos #85

As letras da banda, em sua maioria, eram parcerias de Brandão com o poeta Tavinho Paes. Porém, além das faixas da Hanoi-Hanoi, Arnaldo Brandão também tem duas antológicas parcerias com dois dos artistas mais relevantes do rock oitentista brasileiro: Cazuza e Lobão. Com Cazuza fez O Tempo Não Pára, que pode ser colocada com facilidade entre as maiores faixas do cancioneiro nacional, e com Lobão fez Blá Blá Blá… Eu Te Amo (Rádio Blá), presente no álbum de estreia da Hanoi-Hanoi e no álbum Vida Bandida de Lobão.

Com influências que sintonizam ritmos como o rock clássico, reggae, funk, punk e pós-punk, transformando essa mistura em um ritmo dançante, mas recheado de letras políticas e com uma inconfundível verve do rock oitentista brasileiro, Hanoi-Hanoi chega em 1986 com seu autointitulado disco de estreia.

Lobão – Vida Bandida (1987) | Discos Escondidos #34

Do álbum, destaco as faixas: Partido Verde AlemãoBlá Blá Blá… Eu Te Amo (Rádio Blá)Bonsucesso ’68Prazer e CiúmesTotalmente Demais Spartana.

Sem mais delongas, a estreia de Hanoi-Hanoi:

Share Button

Cineasta, escritor e compositor, vive procurando novos discos pra ouvir e é fanático pela música dos anos 60 e 70. Escreve sobre Discos Escondidos às vezes nem tão escondidos assim e seu EP "4 Baladas Vermelhas" foi lançado em Dezembro de 2014 aqui no Jardim Elétrico.