Silvia Sant’Anna lança single de seu primeiro EP

Silvia Sant’Anna lança single de seu primeiro EP

Após algum tempo de amadurecimento em bandas informais com amigos e participar do projeto Samba de Maria Alice, em que arriscava composições próprias em meio à covers de bossa nova, a cantora-compositora Silvia Sant’Anna está prestes a lançar Ninho, seu primeiro EP. Antes, porém, ela revelou “Arthur: Entardeceu”, uma das faixas dessa estreia.

A suavidade na voz e o arranjo delicado criado em parceria com o produtor Gabriel Whitaker Agnelli mostram um pouco dos caminhos que o trabalho deve seguir. A capa, inspirada nos desenhos do amigo e desenhista Beto Macedo também contam parte do significado desse trabalho para a cantora. “Fiquei muito encantada com os desenhos dele e percebi que um desses pássaros podia traduzir perfeitamente a minha ideia, pelo fato do ninho ser um trabalho realizado individualmente pelo pássaro.”, conta.

Citando entre suas referencias nomes a bossa de Edu Lobo, o rock dos Stones e nomes como Belchior, 14 Bis, Fagner, Led Zeppelin, Gil e Milton Nascimento como influências apresentadas pelo seu pai, Silvia conta que buscou nesses diferentes universos a sonoridade do EP. “Tenho lembranças de mim muito nova ouvindo tudo isso e tentando entender muitos desses sons. Acho que essa mistura de gêneros nas faixas do álbum reflete muito as minhas influências, que sempre variaram bastante”. Além disso, se diz animada com as músicas produzidas por artistas brasileiros e cita Selton, Maglore, O Terno e Thiago Galego como exemplos dessa boa fase.

Agora, com Ninho prestes a ser lançado, a cantora conta que vive agora uma mistura de sentimentos. “Ver o primeiro EP ser lançado é a mesma coisa que ter uma criança e deixa-la correr pro mundo”, finaliza.

Confira aqui “Arthur: Entardeceu”:

Share Button

Também é colaborador do Showlivre, trabalhou como assessor de imprensa de artistas, bandas e casas de show. Movido a boa música, café quente e cerveja gelada, segue na busca de novos sons para descobrir e clássicos para recordar.